ENIGMA – Tché Ruggi

[vc_single_image image=”9633″ img_size=”full” img_link_large=”” img_link_new_tab=””]

Em 2004, Tché visitou uma casa em ruínas. O limo e a ação agressiva da natureza sobre os restos da antiga construção pare- ciam dar o recado: não pinte aqui. No espaço em que dentro e fora dispunham-se num jogo de xadrez, o céu fazia parte do teto e a ter- ra comungava com o chão, ficou o artista a aguardar algum sinal. O pôr-do-sol veio tocar as janelas desfeitas, cortar-se pelos vidros que- brados e incidiu sua própria pintura de luz e sombra sobre os pla- nos. Como um acontecimento invisível a desenhar nas paredes para chamar a noite.

A partir deste dia, a geometria dos recortes projetados pela luz – pequenos triângulos, formas pontiagudas, ondas duras, cortes secos – tornariam-se matéria-prima para um processo artístico. Tché ado- tou os fragmentos desta resposta misteriosa para destilá-lo pouco a pouco em seu repertório, fosse fundindo em ferro, sobrepondo cama- das, pressionando em tinta, magnetizando campos. Construiu o enig- ma de uma pirâmide impossível.

Esta é uma história de recorrências. Que não veio do graffiti, de uma formação, mas da arquitetura da cidade e da vontade de contra- cenar com ela. Que não veio de uma religião, de uma doutrina, mas do trânsito entre o material e o espiritual e a fusão destes planos em revelações. Que não veio da geometria, da matemática, mas da in- fluência selvagem da natureza. Que apenas não veio. Talvez esteja por vir.

Na exposição ENIGMA, Tché confronta o visitante com uma ex- periência que pode ser reveladora. Labirintos de pirâmides, insta- lações pendulares, pinturas e campos imantados compõem um am- biente místico. Peças de ferro afiadas contrastam com a suavidade do piso, peso e leveza, cores e penumbra, compartimentos abertos e fechados. Um convite que acolhe e intriga.

Julia Bolliger Murari

[vc_separator]
[vc_separator]
[vc_separator]
[vc_separator]
Post anterior
Ozi Pop Up Show
Próximo post
Intervalo Contemporâneo por Tché Ruggi

No results found

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fill out this field
Fill out this field
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.

Menu