Criatividade a 7 passos

por Aline Anzzelotti

Criatividade, é uma palavra que automaticamente nos remete a criação, algo novo e diferente do conhecido. Existe também uma inclinação a ligar criatividade com arte, e embora seja verdade, não é exclusivo. Logo, ela também serve para o dia a dia, a resolução de problemas cotidianos e até para melhorar nosso estilo de vida.

Levar a vida alimentando a criatividade abre a perspectiva e opção diante dos desafios da vida cotidiana. Enxergar as coisas por diferentes ângulos, é essencial para quem gosta de criar novos resultados e acabar expandido seus horizontes naturalmente. Assim, agregando a todas as áreas da vida.

Mas, para conseguir este estilo de vida inovador, é requerido também trabalhar todos os estímulos necessários. A criatividade não é um dom dado a alguns, ela é como um músculo que precisa de estimulo para crescer. Como resultado, as ideias se ampliam cada vez mais e proporcionam um maior número de possibilidades.

Todos sabem que ser curioso, pensar em soluções diferentes e cumprir tarefas de maneiras variadas já são ações que abrem bem o canal de criação. Mas aqui vamos passar 7 atitudes práticas para estimular a criatividade.

MEDITE

Sim, sim, meditação parece a “bola da vez”. É transcendental, é mindfulness, é o agora é o não pensar, e o ficar parado. Parece na verdade uma tortura chinesa disfarçada de sabedoria superior. Mas talvez, realmente seja isso. De acordo com a evolução humana das últimas décadas, as pessoas que mantém uma prática meditativa constante, são pessoas que dominam melhor os pensamentos, o foco, e são pessoas que criam mais, que desenvolvem mais ideias. Foi descoberto também o grande número de empresários e diretores de grandes companhias que praticaram e praticam meditação e recomendam.

CUIDE DO AMBIENTE

Em um ambiente sem vida, fica mais difícil soltar a mente por caminhos novos. Investir em decoração estimulante é retorno certo. Arte, frases, cores. Além disso, uma dica incrível é saber e entender o poder das cores e o que elas estimulam no ser humano. O verde é a cor que mais estimula a criatividade, ter objetos dessa cor no escritório ou mesmo uma parede, pode ajudar muito trazendo harmonia, equilibro e inovação.

ORGANIZAÇÃO É FAVORÁVEL

Até para termos liberdade, é necessário ter disciplina. Organizar as nossas tarefas além de otimizar nosso tempo, também possibilita que a gente separe tudo de acordo com nossa produtividade, ou mais próximo disso possível. Separe as tarefas muito rotineiras que não exigem do seu cérebro para um período do dia que você também saiba que não é o seu mais produtivo em questão de ideias. E deixe os afazeres mais que exigem mais e mais desafiadores, para o horário que você considera seu horário de pico de energia.

INSPIRAÇÃO

Diferente dos coelhos, as ideias não saem de cartolas. E ainda, é importante lembrar o quão difícil é ter uma ideia totalmente original que ninguém nunca tenha pensado no planeta. Referências são muito importantes para o processo de criação, misturar sua ideia com ideias que você acha que combinam com ela e depois tentar criar algo novo, isso sim faz toda a diferença e até mágica acontecer.

ESCREVER É MATERIALIZAR

As pessoas criativas normalmente tem um caderno consigo para onde quer que elas vão. Assim é uma maneira de não perder as ideias que vem surgindo ao longo do dia. Pode ser que várias ideias bobas escritas, acabem resultando em uma ideia que vale a pena investir ou que resolve o problema. Anote sempre seus pensamentos, não confie na memória e nem menospreze as ideias brutas. Logo, trabalhadas e lapidadas, podem virar valiosos diamantes.

ÓCIO CRIATIVO

Não fazer nada pode trazer resultados bem criativos. A princípio, ninguém leva a sério os momentos de relax e liberdade para se fazer somente aquilo que se tem muito prazer fazendo. Mas esses momentos nos mantém tão presentes e abertos, que o canal criativo fica 100% conectado sem nem percebermos. Saiba aproveitar os momentos de descontração a seu favor, Existe um poder especial para a mente nesses momentos, não os subestime.

ARRISQUE SEM MEDO

Medo e criatividade não combinam, portanto, é uma escolha profunda decidir não viver na zona de conforto e saltar do trampolim para o infinito das possibilidades. Mas esse é um salto que poucos se arrependem, quando feito com sabedoria. Não é possível viver o novo se não estivermos dispostos a ir atrás do novo. Assim, arriscar em novos projetos, ideias, atitudes e mesmo no estilo de vida, é o que da a base para construirmos nossa fonte de criatividade abundante.

E você? tem feito algo para ser mais criativo? Tem alguma vontade ou dificuldade com o tema? Conta pra nós nos comentários.

E nosso site além de ter acesso ao nosso acervo completo, conta com um tour 360° por toda a galeria. Dê um passeio pela A7MA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.

Menu